dpot
 
 
Fechar
 

Poltrona Moleca

Sergio Rodrigues

Poltrona Joy

Jader Almeida

Poltrona Casca

Domingos Tótora

Banquinho

Claudia Moreira Salles

Vídeo | Podcast

Play

Blog

 

Dpot lança o bufê GB e aprimora seu acervo de peças exclusivas de Geraldo de Barros

Leia mais +

Eventos

 

SERGIO RODRIGUES: SEIS DÉCADAS DE DESIGN

Leia mais +

Campanha Dpot 2014

Campanha Dpot 2014

Campanha Dpot 2014

Dpot 2013

Campanha Dpot 2013

Podcasts

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

07/02/2014

Eva Wilma, Guto Lacaz e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

06/02/2014

A história da EXPO e o pavilhão do Brasil

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

05/02/2014

Música brasileira de um jeito diferente_programa 37

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

17/01/2014

Novidades do ano novo

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

16/01/2014

Viajar é bom demais

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

15/01/2014

Música brasileira de um jeito diferente_programa 36

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

10/01/2014

Praça das Artes premiada em Londres, e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

09/01/2014

Casa Brasileira temporada de férias

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

08/01/2014

Música brasileira de um jeito diferente_programa 35

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

06/12/2013

São Paulo tem caminhada noturna, comida de rua e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

05/12/2013

O Grupo Corpo

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

04/12/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 34

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

22/11/2013

Eduardo Longo, João Carlos Martins e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

21/11/2013

Casa Brasileira, quarta temporada

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

20/11/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 33

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

08/11/2013

Afrosambas, Cazuza e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

07/11/2013

Artistas brasileiros na Europa

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

06/11/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 32

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

25/10/2013

Chico Buarque, Banksy e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

24/10/2013

X Bienal de Arquitetura

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

23/10/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 31

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

11/10/2013

Paulo Gracindo, Cazuza e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

10/10/2013

John Graz e Geraldo de Barros: edições e reedições

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

09/10/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 30

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

27/09/2013

30X Bienal, Festival Indie no Cinesesc e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

26/09/2013

Semana do design de Paris

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

25/09/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 29

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

06/09/2013

Novas Perspectivas, Três Dias de Chuva e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

05/09/2013

Entrevista com o arquiteto Arthur Casas

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

04/09/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 28

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

30/08/2013

Dostoiévski, Strindberg e Cazuza

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

29/08/2013

Geraldo de Barros e Moacir Santos

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

28/08/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 27

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

16/08/2013

Jazz na Fábrica, MIMO e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

15/08/2013

Design weekend, MADE e outras novidades do design pelo Brasil

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

14/08/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 26

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

26/07/2013

Spas Urbanos,  Lucian Freud e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

25/07/2013

Fotografia de arquitetura

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

24/07/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 25

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

19/07/2013

Marina Abramovic, mestres do Renascimento e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

18/07/2013

Nostalgia e Tecnologia: arqueologias industriais

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

17/07/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 24

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

05/07/2013

Maria Martins no MAM e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

04/07/2013

Uma viagem a Portugal – parte 2

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

28/06/2013

João Barone, Pulp Fiction e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

27/06/2013

Uma viagem a Portugal – parte 1

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

26/06/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 23

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

21/06/2013

Sergio Camargo, Os Satyros e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

20/06/2013

Entrevista com o arquiteto Henrique Reinach – parte 2

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

19/06/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 22

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

14/06/2013

Bauhaus, Maria de Medeiros e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

13/06/2013

Entrevista com o arquiteto Henrique Reinach – parte 1

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

12/06/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 21

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

07/06/2013

Tom Jobim, Álvaro Siza e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

06/06/2013

Arte, arquitetura e paisagem: museus ao ar livre

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

05/06/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 20

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

24/05/2013

Pelé, o ano da Alemanha no Brasil e mais

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

22/05/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 19

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

17/05/2013

Calabar, mostra Black e mais

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

15/05/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 18

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

10/05/2013

cinema francês, o cartunista Glauco e mais

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

08/05/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 17

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

02/05/2013

Londres e o prêmio Designs of the Year

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

01/05/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 16

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

26/04/2013

Karim Ainouz, Roger Waters e mais

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

19/04/2013

Alex Vallauri e Lady Warhol no MAM-SP

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

18/04/2013

O Brasil em Paris

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

17/04/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 15

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

12/04/2013

55 anos de Cazuza, Sebastião Salgado e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

11/04/2013

O Brasil em Milão

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

10/04/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 14

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

05/04/2013

SP Arte, Cao Hamburguer e mais.

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

04/04/2013

Bossa Nova e Sergio Rodrigues

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

03/04/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 13

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

29/03/2013

Festival É tudo Verdade, O Boticário na Dança, e mais

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

27/03/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 12

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

21/03/2013

Moda: Ronaldo Fraga e a SPFW

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

15/03/2013

MAR - Museu de Arte do Rio de Janeiro, nova gestão no MASP, e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

14/03/2013

Arte e música: da Tropicália à Vanguarda Paulista

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

13/03/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 11

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

01/03/2013

Sesc Pompéia, Tomie Ohtake e mais

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

27/02/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 10

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

22/02/2013

Bossa Nova Festival, Flores Raras e muito mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

21/02/2013

Arte, paisagem, arquitetura e música: o Insituto Inhotim

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

20/02/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 09

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

15/02/2013

De bem com o meio ambiente – dicas de lugares, exposições, livros e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

14/02/2013

Carnaval como inspiração

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

13/02/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 08

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

01/02/2013

A inauguração da Casa Daros, no Rio de Janeiro, Anna Maria Niemeyer no Paço Imperial e mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

31/01/2013

Uma breve história de quadrinhos

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

30/01/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 07

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

25/01/2013

Street Art, Osgemeos e sua parceria com a griffe Louis Vuitton e muito mais

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

24/01/2013

Entrevista com Sergio Fahrer

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

23/01/2013

Música brasileira de um jeito diferente_programa 06

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

21/12/2012

o Museu Janete Costa de Arte Popular, dicas do eixo Rio-SP e mais.

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

20/12/2012

Brasil e Portugal.

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

19/12/2012

Música brasileira de um jeito diferente_programa 05.

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

14/12/2012

O centenário de Jorge Amado, os 50 anos de Cassia Eller, e mais.

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

13/12/2012

Objetos eletrônicos que mudaram nosso jeito de ouvir música.

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

12/12/2012

Música brasileira de um jeito diferente_programa 04.

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

07/12/2012

Clarice Lispector no IMS, o livro do grafiteiro Bansky e mais.

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

06/12/2012

A arte da Luteria na música instrumental brasileira.

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

05/12/2012

Música brasileira de um jeito diferente_programa 03.

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

30/11/2012

Paulo Mendes da Rocha no Museu Vale e muito mais.

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

29/11/2012

Design e música:mais capas que fizeram história.

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

28/11/2012

Música brasileira de um jeito diferente_programa 02.

CIRCUITO_COM GABRIELA NUNES

19/10/2012

Ney Matogrosso, a volta do vinil e mais.

AUDIORAMA_COM FELIPE DE PAULA

19/10/2012

Música brasileira de um jeito diferente_programa 01.

ARQUIVO D_COM BABA VACARO

09/10/2012

As capas da Bossa Nova.

SERGIO RODRIGUES: SEIS DÉCADAS DE DESIGN

Neste ano de 2014, Sergio Rodrigues completou 60 anos de criações pioneiras. Seis décadas de dedicação que balizam o que compreendemos hoje como nossa identidade diferencial no mundo do design. Sergio Rodrigues é um mestre para produção cultural brasileira, de tantas maneiras que se confunde com o próprio Brasil, com Brasília, com o Rio de Janeiro e com o nosso reconhecimento internacional. Sua obra de coerência única é mais do que reveladora de nossa cultura, é a própria cultura traduzida em elementos da mobília e da habitação.

Foi em 1954 que ele projetou o mítico “Mocho”, um banquinho de três pés que prenunciaria o curso de uma grande obra genuinamente brasileira, singular e atemporal. A partir daí criou mais de 1200 peças, muitas das quais tornaram-se ícones de nossa maneira de viver, como a poltrona Mole. E seguiu criando, sempre de forma bem humorada, dando nomes inusitados aos seus objetos – “Chifruda”, “Vronka”, “Xibô” – como se fossem personagens afetivos, que hoje também fazem parte da história de muitas pessoas que têm o privilégio de conviver com eles.

A Dpot esteve ao lado deste grande mestre do design brasileiro desde as primeiras reedições de seus produtos, no ano 2000. Hoje tem o privilégio de continuar este legado ao apresentar em seu portifólio mais de 60 produtos com a assinatura Sergio Rodrigues e oferecer esta sincera homenagem através de uma exposição retrospectiva.

SEIS DÉCADAS DE DESIGN
Coquetel de abertura dia 30/09 às 19h
Exposição de 01 a 04/10.
Quarta a sexta das 10h às 19h.
Sábado das 10h às 15h.
Gabriel Monteiro da Silva, 1250.

Veja as imagens da noite de abertura da exposição.

 https://www.facebook.com/media/set/?set=a.749574341774755.1073741853.145784348820427&type=1

 

Dpot lança o bufê GB e aprimora seu acervo de peças exclusivas de Geraldo de Barros

Depois de reeditar as clássicas cadeiras GB01 e M110 e a estante MF 710, a marca que é referência em mobiliário brasileiro apresenta mais uma obra representativa do pensamento do mestre concretista

buffet
A caixa inferior da estante vazada MF 710 – um dos sistemas mais representativos do pensamento industrial do mestre Geraldo de Barros (1923-1998) – é um exemplo da versatilidade de uso pretendida pelo projeto original do artista e designer: em suas variações de comprimentos e combinações de portas e gavetas, a peça poderia ser usada como parte do conjunto (a própria estante), ou então, servir como cômoda ou móvel solto para salas de estar e jantar.
Reeditado e lançado pela Dpot, com exclusividade, o bufê GB deriva desse pensamento e das ideias vanguardistas colocadas em prática pelo artista plástico Geraldo de Barros na Unilabor, fábrica de móveis regida pelo sistema de autogestão operária fundada por ele e pelo frei João Batista Pereira dos Santos em 1954, em São Paulo. O bufê é fabricado em aço carbono e MDF e tem acabamento em lâminas de pau-ferro e laca.
“A Unilabor desenvolveu produção voltada exclusivamente à mobília residencial e, por volta de 1959, fabricava um total de 77 peças, a partir da combinação de um conjunto de componentes cujo desenho permita o encaixe recíproco em virtude de a maioria das medidas obedecerem a certo número de padrões “comprimento-largura-altura” fixos. A produção se tornara completamente serial, o que permitiu organizar um catálogo com as disponibilidades oferecidas e inaugurar o que foi chamado de Padrão UL”, aponta o pesquisador Mauro Claro no livro Unilabor – Desenho industrial, arte moderna e autogestão operária (Senac, 2004).

Uma década de história com a Dpot
O projeto de reedição de peças históricas de Geraldo de Barros pela Dpot teve início em 2004, pelas mãos da designer Baba Vacaro, diretora de criação da marca. O ponto de partida foi a versátil GB01, primeira cadeira produzida pela Unilabor. Originalmente lançada em 1954, a peça reflete em sua estrutura a engenhosidade do autor. Geraldo de Barros projetou o móvel de tal forma que, a partir de uma mesma estrutura, é possível obter três variações da cadeira: com assento e encosto de palha natural; com assento estofado e encosto de palha natural; e com assento estofado e encosto de ripas.

cadeira gb
“A obra do Geraldo é de fundamental importância para o design brasileiro”, diz Baba Vacaro. “Um dos aspectos mais inovadores é seu raciocínio de projeto, a ideia da modulação, de construir peças que podem ser multiplicadas e ter várias funções, a proposta de simplificar a fabricação, de conseguir o maior resultado com a menor quantidade de recursos possível.”


gbbbb



Em 2013, por ocasião do lançamento de Geraldo de Barros: Isso (Edições Sesc), o maior compêndio já publicado sobre a obra do artista, organizado por sua filha, Fabiana de Barros, as reedições exclusivas da Dpot ganharam novo impulso. gbbbsComo resultado, chegaram ao mercado a estante MF 710, que se destaca como o mais completo dos sistemas criados pelo designer, com suas colunas estruturais semelhantes às de um edifício, e a cadeira M110, um dos móveis mais representativos do pensamento de Geraldo de Barros, em que ele faz a transposição da clássica construção da cadeira para um sistema modular, pensado para a produção seriada.
Em seu processo construtivo, Geraldo de Barros costumava passar dos primeiros desenhos aos protótipos. O projeto final vinha apenas após os testes com as peças fabricadas na marcenaria. “[...] Faço um croqui, esse croqui é transformado logo em protótipo e a partir daí trabalho direto com os marceneiros na concepção final da peça [...] Às vezes são feitos dois, três, quatro, cinco protótipos de uma mesma peça. A gente testa tudo. Se é uma cadeira, por exemplo, a gente senta, coloca junto da mesa e vê a altura, confere o conforto. Depois de testada e viabilizada, a peça recebe o desenho final.”¹
O bufê GB e todas as peças de Geraldo de Barros lançadas pela Dpot estão à venda nas duas lojas da marca em São Paulo. Para este ano, estão em projeto mais algumas reedições de peças do autor.

Livros e exposições
Em 2015, uma série de eventos, no Brasil e no exterior, dará continuidade à celebração da obra e do legado de Geraldo de Barros. Em parceria com o Sesc, o Instituto Moreira Salles (IMS) acaba de lançar o volume Geraldo da Barros e a Fotografia, organizado pela curadora Heloisa Espada. A publicação deriva da exposição homônima, composta de mais de 300 obras, exibida com grande sucesso em 2014 no IMS do Rio de Janeiro e que chega a São Paulo em 1° de abril, no Sesc Belenzinho.
Entre 11 de fevereiro e 16 de maio, peças de autoria do artista e designer integram a mostra Design for Living in Brazil, Venezuela e Mexico, 1940-1978, que será exibida no Americas Society, em Nova York. Em outubro, a exposição, que mostra como o design para transformou a paisagem doméstica e urbana na América Latina no pós-guerra, segue para o Museu de Arte de Blanton, em Austin, no Texas, onde fica até janeiro de 2016. Em março, será a vez de o público de Genebra, na Suíça, ver de perto parte da produção de Geraldo de Barros. Com curadoria de Fabiana de Barros, estreia na cidade Maîtriser l’extreme – Geraldo de Barros e Denis Jutzeler.

Múltiplos talentos e ideias inovadoras
Nascido em Chavantes, no interior de São Paulo, Geraldo de Barros foi muitos. Pintor, gb4fotógrafo, gravador, artista gráfico e designer de mobiliário. Pioneiro no design brasileiro e um dos maiores expoentes do concretismo, foi também precursor da fotografia abstrata no país. Tornou-se especialmente conhecido pelo conjunto fotográfico Fotoformas, produzido entre o final da década de 1940 e o início dos anos 1950. Pela variedade de figuras que resultam da superposição de fotogramas, a obra é associada tanto à estética construtivista quanto à herança expressionista.
Destacou-se ainda como fundador e membro de importantes movimentos e associações artísticas. Alguns exemplos são o Grupo 15 (1947), ateliê instalado no centro de São Paulo; o Grupo Ruptura (1952), um dos grandes articuladores do movimento concretista; e a Galeria Rex (1966), fundada em parceria com Nelson Leirner e Wesley Duke Lee, que se tornou sinônimo de comportamento e estilo de vida na época. A partir de 1954, Geraldo de Barros passou a aplicar o espírito antiacadêmico e a experiência inovadora de independência e inconformismo que já caracterizavam sua produção artística no universo do mobiliário e da comunicação visual. Seu objetivo era "socializar a arte", criando móveis industrializáveis de bom gosto em grandes séries, com qualidade de produção e design.

Para colocar suas propostas em prática, fundou em 1954, em parceria com frei João Batista Pereira dos Santos, a Unilabor, oficina-comunidade no bairro paulistano do Ipiranga regida pelo sistema de autogestão operária e voltada à fabricação de móveis seriados, pensados para atender às necessidades da população dos grandes centros urbanos que começavam a surgir na época, principalmente no Rio de Janeiro e em São Paulo. “A disposição de fazer do projeto da peça (por meio do seu desenho) verdadeiro instrumento de trabalho se configurou como a principal tecnologia da Unilabor. Esse capital (portanto) intelectual, conjugado com experiência artesanal e um mínimo de investimento financeiro, conformou o início da empresa e delineou seu desenvolvimento”, revela o pesquisador Mauro Claro no livro dedicado à iniciativa. Na Unilabor, os funcionários tinham participação na direção e nos lucros, além de aulas de arte e desenho industrial. Todas as criações nasciam das discussões em torno da forma, da função e do modo de produção, segundo os conceitos de beleza e utilidade. A criação da oficina-laboratório está diretamente associada ao movimento de disseminação dos conceitos e da estética da arte moderna para o grande público iniciada no Brasil nos anos 1940 e impulsionada por iniciativas como a fundação do Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand – MASP (1947) e do Museu de Arte Moderna de São Paulo – MAM (1948) e a criação da Bienal Internacional de Arte de São Paulo (1951). A Unilabor existiu (e resistiu) até 1967. No final da década de 1950, Geraldo de Barros fundou ainda a Form-Inform, especializada na criação de marcas e logotipos. Um de seus sócios na empreitada foi Alexandre Wollner, figura essencial no design gráfico brasileiro.
Nos anos 1970, o artista e designer foi também o nome por trás da marca Hobjeto, um sucesso comercial importante na história do mobiliário brasileiro. Para a marca, desenhou inúmeros móveis, mas também carrinhos de chá e pequenas mesas encaixáveis, peças que considerava mais fáceis de serem produzidas em larga escala, como sonhava desde os tempos da Unilabor.gbbg

Nos final dos anos 1980, já com a saúde debilitada, Geraldo de Barros retornou à fotografia e passou a se dedicar à série hoje conhecida como Sobras, em que realizou interferências gráficas sobre negativos, retomando a pesquisa iniciada nos anos 1940, com sobras de material fotográfico. Geraldo de Barros faleceu em 1998, em São Paulo.

Lista de desejos

Cadastro

Contato

Dpot Gabriel

Al Gabriel Monteiro da Silva, 1250
Jd Paulistano
Tel: 11.3082-9513
Fax: 11.3086-0692
E-mail: dpotgabriel@dpot.com.br
Segunda a sexta das 10h às 19h
Sábado das 10h às 15h
Domingos e feriados: fechado

Shopping D&D, Piso Térreo

Av. das Nações Unidas, 12.551,
loja 232
Brooklin Novo
Tel 11.3043-9159/3043-9087
Fax 11.3043-9174
E-mail: dpotded@dpot.com.br
Segunda a sexta: 10h às 22h
Sábado: 10h às 20h
Domingo: 14h às 19h